Browse By

A grandeza de Sessa

O cantor/ compositor Sessa
Foto por: Gabriel Basile

Nesta terça-feira (04 de junho), o músico Sessa lança seu primeiro álbum solo. Intitulado “Grandeza”, o trabalho conta com melodias construídas em cima de diferentes misturas musicais – desde  MPB até o free jazz. Na descrição do disco, o compositor define que “o álbum é sobre o gesto natural do amor e a suavidade do corpo humano”.

É a primeira vez que o paulistano se aventura sozinho. Sua carreira começou em 2005, quando fundou – com os amigos Sal e Tomaz – a banda Garotas Suecas (grupo vencedor do prêmio Aposta MTV, em 2008). Após dois discos e uma série de shows nos EUA com o grupo brasileiro, Sessa se mudou para a cidade de Nova York, onde conheceu Yonatan Gat, guitarrista israelense famoso por seu experimentalismo.

Depois de aproximar-se do músico, acabou virando membro do trio dele. Com essa experiência, o brasileiro conseguiu adquirir mais traquejo com aquilo que ele próprio chama de “drama do show”. Vale ressaltar que a sonoridade musical do israelense é muito distante daquela registrada em “Grandeza” – basta ouvir o disco “Universalists” de Yonatan Gat.

Ainda enquanto participava de turnês com Gat, Sessa começou a compor as músicas de seu disco. “Fazer um álbum é uma grande oportunidade para reorganizar os elementos do mundo; contar o que é estar aqui. Pelo menos, sob o meu olhar”, conta em entrevista ao Noise Gate.

Os temas do álbum são extremamente variados, algo proveniente do processo de composição “solto” de Sessa. Ele explica citando Leonard Cohen: “Em entrevista para uma TV israelense, Cohen diz: Meu processo não é como se eu estivesse em um buffet escolhendo entre arenque e caviar. É mais como se eu fosse um rato no fundo do barril, tentando enfiar os dentes em algo. Algumas coisas dão retorno, outras não. Por isso, sigo naquilo que se rende a mim”.

Ao longo da entrevista, o músico brasileiro toma cuidado com quaisquer afirmações egocêntricas. “Não quero parecer egóico, pois ele [o álbum] contou com muita gente que quis estar no rolê”, se referindo às contribuições da banda Música de Selvagem e do coro feminino (formado por Ciça Góes, Lia Elazari, Paloma Mecozzi e Sofia Botelho).

“Grandeza” foi gravado em três estúdios, um teatro e um jardim. Sessa explica que isso aconteceu “por causa da correria dos shows com Yonatan; o trabalho foi muito intenso. Eu fazia umas duas músicas e entrava no estúdio que dava. O Jonas Morbach [ um dos engenheiros de som do disco]  usava uma máquina de oito canais. Por isso conseguimos nos adaptar à diferentes locais”.

Em São Paulo, o show de estréia acontecerá em 27 de Junho, no Itaú Cultural (Av. Paulista, 149). Sobre a expectativa com o lançamento, Sessa finaliza: “é um momento de várias coisas felizes. Outro dia recebi as cópias teste do vinil e acabei chorando. Está muito bonito! Minha vontade é que muita gente crie uma relação com essas músicas. É isso que me emociona”.


Ouça “Grandeza” aqui:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *