Browse By

Orquestra Afrosinfônica lança novo álbum

Orquestra Afrosinfônica por Vik Muniz

Para a capa de Orin, novo disco da Orquestra Afrosinfônica, o artista Vik Muniz criou uma obra retratando os músicos do grupo em ação.

Neste 20 de novembro, Dia da Consciência Negra, a Orquestra Afrosinfônica lançou seu segundo álbum. “Orin, a Língua dos Anjos” é um prato cheio para investigar uma incrível mistura  entre a “música clássica erudita” e o “canto popular africano”.  O grupo é liderado pelo Maestro Ubiratan Marques e conta com 22 músicos – dentre eles, um incrível coro feminino, percussão, metais e o piano acústico do maestro.

Segundo Ubiratan,  “Orin nasce do olhar da Afrosinfônica sobre nossa ancestralidade, das conversas com Seo Mateus sobre espiritualidade.” O Seo Mateus desta fala é Mateus Aleluia, membro do grupo Os Tincõas. A dupla Aleluia e Marques é responsável por seis composições de Orin. Fora a parceria entre os dois, o novo disco da Orquestra Afrosinfônica tem apoio dos músicos Dodo Miranda,  Gerônimo, Lazzo Matumbi e  do grupo BaianaSystem.

Inclusive, quem é fã de BaianaSystem já deve conhecer o trabalho da Orquestra registrado no disco O Futuro Não Demora, ganhador do Grammy Latino de Melhor Álbum de Rock em Língua Portuguesa.  Os grupos trabalharam juntos nas canções Fogo e Água, que aqui ganha uma releitura mais focada no som da Orquestra do Maestro Ubiratan.

Certamente, a escolha da data 20 de novembro não poderia ser mais simbólica, afinal Orin homenageia deuses africanos e possui passagens em línguas como iorubá e lingala. Todas as músicas possuem belíssimas melodias, letras e arranjos que refletem sobre a ancestralidade e a cultura negra.

A capa do disco foi criada pelo artista Vik Muniz, famoso por sua técnica de reutilizar materiais “descartáveis” para criar suas obras de arte. “A música de Ubiratan Marques me interessou logo de início talvez pelo meu interesse em mosaicos. Toda música orquestral tem essa qualidade de mosaico, de relação entre uma complexidade de fragmentos e a harmonia de um todo. No caso da Orquestra AfroSinfônica e particularmente no caso de ORIN, A Língua dos Anjos, este aspecto de mosaico transcende as fronteiras formais da música, e se desenrola nas experiências pessoais, nas vozes, nos estilos, nos tempos, nas línguas e nas culturas. Ubiratan Marques evoca a ambição poética de harmonizar a rica cacofonia das experiências em uma linguagem divina”, explica o criador da capa.

Ouça abaixo Orin, a Língua dos Anjos

One thought on “Orquestra Afrosinfônica lança novo álbum”

  1. Pingback: Conheça a Máquina de Louco, selo do BainaSystem - Noise Gate
  2. Trackback: Conheça a Máquina de Louco, selo do BainaSystem - Noise Gate

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *